12 de fevereiro de 2007

 

Publicidade enganadora


Anúncio de jornal: "Master em medicina dentária estética", oferecido por uma universidade portuguesa, em associação com uma parceira brasileira (fale-se de dentes e aparece logo um brasileiro). Fui ver ao sítio. É um curso bizarro. Demora um ano, mas compõe-se de 13 módulos, cada um com a duração de seis dias (uma semana por mês, 6,5 horas por dia de cada uma dessas semanas). Já agora, importante, 10.000 euros.

O que é este curso? Mestrado obviamente que não. A universidade pode defender-se com o direito que tem de fornecer qualquer curso fora do esquema oficial dos graus. O que não pode é induzir em erro os candidatos. Imaginem que alguém publicitava um curso chamado de "Doctor" em qualquer coisa, só com umas tantas aulas, sem investigação, sem tese. Era legal, mas não deixaria de lançar a confusão com um doutoramento.

Podem objectar-me com o caso do MBA. Creio que é diferente. É uma designação generalizada por todo o mundo e toda a gente sabe muito bem o que significa, nomeadamente que não é nenhum grau académico oficial. Por outro lado, é muitas vezes ministrado em colaboração com universidades americanas, em que Master é um grau. Não me consta que o seja em Portugal ou no Brasil, para efeitos de medicina dentária.

Comentários:

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]





<< Página inicial

Subscrever Mensagens [Atom]